Histórico de pesquisas

O Instituto de Ciências Biológicas (ICB) da UFMG foi criado em 1969 a partir do desmembramento da antiga Faculdade de Filosofia. Desde então o ICB vem construindo uma história de reconhecido sucesso no cenário científico nacional e internacional. Atualmente é considerado um instituto de referência nacional nas áreas de ensino, pesquisa e extensão. A reputação de excelência do ICB é especialmente construída pelas diversas iniciativas de pesquisas científicas realizadas em seus laboratórios. Das patentes da Universidade no ano de 2012, 30% partiram de estudos realizados na unidade.

 

Estrutura

O Instituto de Ciências Biológicas da UFMG conta com dez departamentos, 12 programas de pós-graduação e mais de 100 laboratórios. Os estudos realizados na unidade abordam desde testes pré-clínicos de drogas e fármacos até a preservação da biodiversidade do país, abrangendo flora e fauna. A unidade abriga os departamentos de Biologia Geral, Bioquímica e Imunologia, Botânica, Farmacologia, Fisiologia e Biofísica, Microbiologia, Morfologia, Parasitologia e Patologia Geral e Zoologia.